FUTEBOL - Bruno Fernandes, jogador do Sporting, no jogo Sporting-Fiorentina a contar para oTorneio Cinco Violinos no Estadio Jose Alvalade em Lisboa. Sabado 29 de Julho 2017. (ASF/ SERGIO MIGUEL SANTOS)

Estado Islâmico interessado em contratar Bruno Fernandes, o homem das bombas do Sporting

O Sporting pagou 9 milhões de euros pelo jovem centro campista português Bruno Fernandes e 2 meses depois já está a ser cobiçado no mercado de transferências. Desta vez não é uma equipa do meio da tabela do campeonato inglês que está interessada nos serviços de um jogador do Sporting, mas uma organização terrorista. Os responsáveis pelo scouting do Daesh viram o jogo do Sporting em Guimarães e ficaram loucos.

“Aos 3 minutos, ele abre logo com aquele atentado à baliza do Vitória de Guimarães. E depois ainda fez outro. A baliza do Guimarães ficou um caco. É um jovem de 21 anos com enorme potencial e que pode dar muito ao terrorismo. É meter o Bruno Fernandes numa capital europeia que ele faz o atentado sozinho. Com ele vai morrer muito mais gente. Nós fizemos uma proposta e o Bruno de Carvalho disse que por 30 milhões só vendia o William Carvalho. Esse nem de borla. Quando a bomba explode, já toda a gente foi embora”, revelou um senhor do Estado Islâmico.

Seja o primeiro a comentar

Comentar

O seu endereço de email não será publicado.


*